Marketing boca-a-boca: como fazer com metodologia e tecnologia

[subtitle]Combine a metodologia Play-Driven Design e a tecnologia da Meltwater para alavancar seu marketing boca-a-boca com influenciadores e engajamento.[/subtitle] O convite que recebi para escrever este artigo foi uma ótima oportunidade para conhecer a ferramenta Meltwater e poder contar a você sobre a metodologia Play-Driven Design.

Vou descrever brevemente a metodologia Play-Driven Design (PDD) e mostrar como alguns recursos chaves da ferramenta da Meltwater podem alavancar seu marketing boca-a-boca.

A metodologia Play-Driven Design

Pelo processo de Play-Driven Design, você pode gerar engajamento e estimular a produção espontânea de conteúdo, aplicando a metodologia em seu marketing.

Vídeo de apresentação da metodologia Play-Driven Design

 

 

Os estágios da metodologia Play-Driven Design

A metodologia Play-Driven Design é composta de 4 estágios:

  • Identificar as personas relevantes para a sua estratégia.
  • Engajar as personas e promover nelas uma experiência significativa.
  • Entregar: obter feedback e dar a impressão de que a persona tem controle do processo.
  • Otimizar. A coleta de dados dos usuários e a análise de sua performance nos 3 estágios anteriores do PDD permitem melhorias contínuas em sua estratégia de marketing boca-a-boca.

A metodologia é representada visualmente no formato da letra "Y". Os estágios Identificar, Engajar e Entregar ficam localizados em suas extremidades, e o estágio Otimizar no centro. Confira no artigo científico publicado no Journal of Business and Management da IOSR - International Organization of Scientific Research.

O Otimizar não é um processo final; é um elemento presente em todos os estágios. Ao fazer a Identificação de suas personas, antes de iniciar o processo de engajamento, você deve fazer uma análise e otimização para encontrar meios de melhorar seu método de identificação. Com isso, suas taxas de sucesso certamente serão melhores.

Se você deixar para otimizar os processos apenas ao final, como um último estágio - que é o que geralmente ocorre nas estratégias de marketing - , talvez você não atinja seu objetivo. E pode ser que, quando você for otimizar, seja tarde demais.

Agora que você conhece a metodologia Play-Driven Design, é hora de alavancar o seu marketing boca-a-boca com a tecnologia Meltwater.

Como fazer marketing boca-a-boca com a tecnologia Meltwater?

A plataforma Meltwater reúne em um único lugar as ferramentas e informações necessárias para você encontrar influenciadores e se conectar com eles.

Com os recursos certos, você pode utilizar a metodologia Play-Driven Design em grande escala. E a Meltwater pode te ajudar nisso.

Identificar

A plataforma tem uma base de dados de Jornalistas e Influenciadores organizada por país, veículo de comunicação e categoria de assunto.

Deixa fácil identificar contatos potenciais na sua indústria e segmento de atuação.

Engajar

Para você promover o engajamento dos influenciadores, a ferramenta disponibiliza diversos meios, como endereço de e-mail e também as redes sociais.

É possível criar modelos de e-mail e enviá-los pela própria plataforma.

Mais do que isso, é possível selecionar um grupo de influenciadores e enviar um e-mail em massa (bulk email).

Importante: prefira mensagens individuais e personalizadas para obter melhor resultado.

Você também pode realizar buscas por palavras-chaves. A ferramenta varre sites e redes sociais, o que pode ser útil para garimpar outros portais e influenciadores que ainda não estão cadastrados na plataforma.

Redes Sociais

Para monitoramento em tempo real, a Meltwater mantém parceria com a Sprout Social, plataforma de Redes Sociais avaliada pela G2 Crowd como líder em seu segmento.

Assim, os usuários da Meltwater que têm o plano com recurso de engajamento pelo Sprout Social podem monitorar os perfis dos influenciadores para interagir com eles e seus conteúdos. É possível, por exemplo, compartilhar e curtir seus posts no twitter e deixar comentários no Instagram.

Com o Sprout Social, o usuário centraliza toda a comunicação de suas redes sociais em um único lugar, realiza SAC 2.0 e muito mais.

Entregar

De acordo com Andy Sernovitz em seu livro Word of Mouth Marketing: How Smart Companies Get People Talking, diferente do B2B (Business-to-Business) ou do B2C (Business-to-Consumer), o marketing boca-a-boca é feito C2C (customer-to-customer).

Segundo Sernovitz, para que o marketing boca-a-boca aconteça, é necessário dar uma razão para que as pessoas falem de você. No Play-Driven Design, essa razão é a experiência significativa que você pode proporcionar ao usuário.

Na prática:

O fato de eu estar aqui escrevendo este artigo para você se dá pelo engajamento e pela experiência que a Meltwater me proporcionou. Ela me encontrou no Twitter monitorando palavras-chaves e me identificou como um influenciador em seu segmento. A partir do Twitter, me adicionou no LinkedIn e me fez o convite para escrever sobre o Play-Driven Design, "sugerindo" que eu conhecesse mais sobre sua plataforma.

Para um pesquisador, a oportunidade de compartilhar seu trabalho de pesquisa entrega uma experiência significativa.

No momento que você torna isso parte de um planejamento estratégico e de processos bem definidos, como acontece no Play-Driven Design, você consegue dar tração e alavancar sua produção espontânea de conteúdo por seus influenciadores.

O ponto chave é proporcionar uma experiência.

Otimizar o marketing boca-a-boca

Em se tratando de otimizar processos, usando tecnologia você pode obter resultados ainda melhores.

Lembre que esta ação deve estar presente em todos os estágios do Play-Driven Design.

Selecionei 3 itens que podem fazer diferença em sua estratégia, combinando tecnologia para potencializar o seu marketing boca-a-boca:

Análise de email

Hoje em dia se tornou comum falar do termo "pitch", por causa da popularização das Startups. Trata-se de você, em até 3 minutos, convencer a pessoa a investir em seu negócio. Em outras palavras, é ter um discurso tão "afiado" que pudesse gerar o interesse de um investidor durante um "papo de elevador".

Lembra que mencionei que você pode ter modelos de e-mail e enviá-los aos influenciadores pela própria plataforma? Pois é, na Meltwater você consegue ainda analisar como foi a interação dos influenciadores com os e-mails enviados: número de aberturas da mensagem, cliques em um link no corpo da mensagem, solicitações de cancelamento de cadastro (unsubscribe).

Essas informações são extremamente úteis para você reavaliar desde o assunto que você usou na remessa até o conteúdo propriamente dito.

Análise de sentimentos

Identificar conteúdos e seus interlocutores a partir do sentimento positivo, neutro ou negativo pode ser um bom ponto de partida, dependendo da sua estratégia.

As empresas geralmente estão mais preocupadas com a gestão de crise de quem fala mal da empresa e de seus produtos. Tanto que esquecem de valorizar e se aproximar de quem ama a marca.

Alcance da publicação

Existem ferramentas de inteligência de marketing que analisam o alcance de uma publicação com base no número de visitantes ao site. Uma dessas ferramentas é o SimilarWeb, que fornece a informação de Alcance (Reach) para os conteúdos encontrados no Meltwater.

Identificando os portais que têm maior alcance, você pode otimizar o seu processo de "garimpar" influenciadores pelos canais em que eles atuam.

Resumo

Para construir a sua presença online e alavancar o seu marketing boca-a-boca, é preciso combinar pessoas, processos e tecnologia.

Combinando a metodologia Play-Driven Design e uma plataforma como a Meltwater, você tem a "faca e o queijo" na mão.

[end]Espero que este conteúdo tenha sido útil para você. Você gostaria que eu aprofundasse alguma informação? Responda nos Comentários.[/end]