Pergunte ao Angelo: Marketing Digital para ecommerce de Cursos Online

Neste "Pergunte ao Angelo", um aluno deseja orientação de Marketing Digital para o seu ecommerce de cursos online. Ele tem até 4 vendas por mês, realizou alguns planos de marketing de conteúdo que não finalizou, sabe que precisa de orientação para crescer as vendas, mas não sabe por onde começar. Essa dúvida foi enviada via LinkedIn por um aluno que realizou os meus cursos online. Como foram várias perguntas realizadas durante um diálogo, consolidei as informações, adaptando-as para ficarem de fácil entendimento em um formato de artigo.

O propósito de compartilhar estas dicas de marketing digital para ecommerce de cursos online é para ajudar outras pessoas empreendedoras que criaram (ou estão pensando em criar) os seus infoprodutos e precisam aumentar as vendas.

Veja as primeiras perguntas que recebi:

"Acho que necessito de uma revisão no site para melhorar o posicionamento. Até consigo fazer um trabalho formiguinha. Mas não sei por onde começar.... blog, e-commerce ou páginas. Uso uma ferramenta grátis de email que é um plugin do WordPress, sem recurso de enviar sequências de emails. Gasto R$100/mês no Google, mas não penso em ampliar. Ofereço alguns conteúdos para download, mas não uso estratégias de conversão com landing pages. Também comecei a criar conteúdo no formato de Wikipedia. Tenho um mailing de 8.000 contatos, gerando 2 a 4 novos clientes por mês. Meu lucro é de R$ 100 por produto."

Tecnologia para analisar a Jornada do Cliente de um ecommerce de cursos online

"Poderia ser interessante você ter uma ferramenta que você pudesse centralizar o seu mailing alinhado com a jornada do cliente.

Com a plataforma de ecommerce WooCommerce, você pode usar o ActiveCampaign ou o Seva (antigo ConvertKit). Você pode fazer o teste grátis das ferramentas e não precisa de cartão de crédito para realizar os testes. O Seva é bem focada em empreendedores e "infoprodutos". Ambas ferramentas só estão disponível em inglês.

Com uma ferramenta apropriada, como as que indiquei, você poderá:

  • realizar campanhas de abandono de carrinho;
  • as pessoas se cadastrarem para receber artigos de blog;
  • oferecer conteúdo gratuito (algum PDF) para que as pessoas possam lhe conhecer melhor.

Dei um olhada no seu Wiki. O conteúdo do seu wiki você poderia transformar em  um conteúdo para download, como 'As X melhores práticas para ...'.

Com o tempo você pode transformar cada item do Wiki em um próprio PDF."

Automação de Marketing

"Uma ferramenta de automação de marketing ajudará a mandar uma sequência de emails demonstrando a importância de comprar o seu curso, para alguém que baixar um PDF gratuito.

Quando você iniciar o blog, a ferramenta ajudará a você entender quais são os conteúdos do blog que te ajudam a vender mais produtos. Pois, cada artigo do blog poderá ter um formulário do tipo 'receba os nossos artigos' e usar a estratégia de 'content upgrade' (conteúdo complementar) – formulário de download de PDFs incorporado dentro do artigo do blog."

Limpeza do mailing

"O propósito de criar uma lista de emails (mailing) é transformar esses contatos em clientes.

Precisa analisar se os 8.000 contatos que você tem são potenciais clientes para o que você vende. Se não forem, não é bom considerá-los todos do mailing, pois as ferramentas de automação de marketing cobram por número de contatos, para não pagar por algo que não irá gerar receita (ganhos)."

Foco em gerar leads ou SEO?

Ao visitar o site do aluno, notei que não existia uma estratégia de conversão de visitantes em prospects (leads) por meio da oferta de conteúdo. A minha primeira orientação foi com a intenção de resolver isso.

Utilizar táticas de geração de leads atreladas com automação de marketing, em um planejamento estratégico de marketing digital para ecommerce de cursos online, permitem ganhos rápidos de vendas.

Porém, conversando com o aluno, percebi que para ele o SEO era uma prioridade. Veja:

"O que faz mais sentido nesse momento? Fazer a recomendação acima ou tentar melhorar meus posts, páginas e produtos para ter melhor visibilidade no Google e outros buscadores? Comecei a escrever o Wiki e não terminei. Comecei a otimizar o SEO, renomeando páginas, posts e produtos, mas não terminei."

Minha resposta:

"SEO é uma estratégia a longo prazo. Estratégia de curto prazo requer:

  • anúncios;
  • e criar táticas para capturar o email das pessoas que clicarem nos anúncios,  foram para o seu site, mas não compraram o seu produto de imediato.

Você pode fazer anúncios de 'remargeting' no Facebook que é aquele que persegue a pessoa no Facebook.

Em PARALELO você continuará fazendo artigos para o blog e melhorando os conteúdos das descrições dos produtos. Entretanto, essas estratégias de SEO refletirão daqui 3 meses.

Eu transformaria o Wiki em um PDF para as pessoas baixarem algo gratuito e você 'dar' algo rico para os visitantes. Crie um PDF com 2.000 palavras. Se cada artigo do blog tiver 300 palavras, depois que você publicar 7 artigos, você pode transformar esses 7 arquivos em um PDF e disponibilizar o PDF para download."

Como estimular as pessoas à se cadastrarem para receber artigos

O aluno lembrou que o formulário de seu site para gerar 'assinantes do blog' estava gerando poucos inscritos. Confira:

"Você acha que aquele "receba novidade em seu email" que fica no final das páginas e posts não é muito efetivo? A bem da verdade, poucas pessoas se registram lá... deve ter 1 ou 2 por mês. Seria ideal colocar um específico por página, post e produto?"

Resposta:

"É que o 'receba novidade em seu email' não 'oferece' algo valioso.

Você poderia oferecer algo assim: "Receba dicas exclusivas para gerenciar projetos com eficiência". E, você deve focar em escrever esses tipos de dicas no blog. Lembre de divulgar os artigos de blog também nas suas redes sociais."

Qual a vantagem de estimular que as pessoas se inscrevam para receber artigos de blog por email?

Uma estratégia é iniciar uma automação de marketing assim que a pessoa se cadastra para receber artigos de blog. De acordo com a lei europeia de proteção de dados, GDPR, é importante deixar claro no formulário que tipos de conteúdos serão enviados por email.

Veja a minha explicação:

"Quando a pessoa se cadastra para receber as dicas exclusivas, ela já iniciará recebendo as dicas (uma sequência de 3-4 emails) com intervalo de 2-3 dias entre eles.

E, no último email da sequência, você oferece o link para comprar o seu produto com algum desconto, argumentando que o desconto é, por exemplo, pelo fato do contato fazer parte da sua lista VIP."

Que estruturar os artigos do blog?

"Estou iniciando um conjunto de artigos, mas penso em publicar tudo numa tacada só... E sobre esse conjunto de artigos que estou fazendo agora, o que você acha melhor? Todos eles se interligando ou direciono todos eles para um tipo introdução e só de introdução leva aos outros?"

Para ter um melhor entendimento sobre como estruturar os links entre os conteúdo de blog e os produtos de ecommerce, é importante conhecer o conceito de "Jornada do Cliente" aplicada em loja online com blog. Anteriormente escrevi um artigo sobre a "Jornada do Cliente de ecommerce" para responder a dúvida de outro aluno.

Confira:

"Como você tem um ecommerce, recomendo você ler este artigo para 'abrir a sua cabeça' de como trabalhar blog com ecommerce: Estratégia de conteúdo para a jornada do cliente de ecommerce de roupas masculinas.

Os artigos devem de preferência se interligarem entre eles, mas só se fizer sentido ter esses links nos conteúdos.

Agora você precisa levantar quais são os conteúdos que as pessoas mais se interessam em ler, como uma forma de criar conteúdos que permitam gerar um grande volume de acesso."

Preciso direcionar os artigos para uma pillar page?

No plano de marketing digital para ecommerce de cursos online que o aluno fez, ele estruturou 10 artigos para escrever.

Entretanto, não definiu um conteúdo central, que pudesse "sustentar", como uma pillar page (página pilar), o agrupamento de assunto (topic cluster) que ele pretende criar.

"São um conjunto de 10 artigos. Mas se eu seguir como eu estava pensando, nenhum vai virar uma pillar page, confere?"

"Você pode ter um produto principal como pillar page, uma categoria do seu WooCommerce como pillar page, ou definir um conteúdo do blog como o conteúdo pilar.

Use um programa de mapa mental para montar a sua 'árvore', definindo quais serão os 10 conteúdos, como eles se relacionam (links internos) e o conteúdo central."

Um produto do ecommerce como pillar page

"Posso colocar um produto do ecommerce como pilar. O que acha?"

"Precisa saber qual produto é o 'carro chefe' e levantar o histórico de vendas para definir qual é o produto pilar e melhorar o conteúdo de sua descrição.

No artigo que compartilhei anteriormente (jornada do cliente em ecommerce de roupas masculinas) eu detalho a estratégia para trabalhar blog e produto da loja. Apesar do exemplo ser de loja de roupa, ele vai te ajudar a traçar a estratégia de 'Jornada do Cliente' no seu negócio."

Conclusão

Para realizar Marketing Digital para ecommerce de cursos online, é preciso combinar: estratégia + conteúdo + tecnologia (ferramenta).

O que você achou das dicas de marketing digital para ecommerce de cursos online? Responda nos Comentários!

[pergunteaoangelo]