Como converter visitantes em leads

Leads são nada mais do que contatos qualificados, ou seja, contatos de pessoas que realmente têm algum potencial para se tornarem clientes, já que mostraram, de alguma forma, certo interesse pelo seu produto. Entretanto, a grande questão é: como conseguir captar essas pessoas e converter os visitantes do seu site em leads? Acompanhe, neste artigo, algumas dicas para ampliar sua base de potenciais compradores através de seus recursos de marketing na web!

Aposte em conteúdo de qualidade

Publicar conteúdo relevante sobre a sua área de atuação é, nos dias de hoje, um passo crucial para atrair leads para a sua empresa.

Se você trabalha como um atacadista de roupas, por exemplo, pode escrever um artigo de blog ensinando pequenas lojas a prepararem suas manequins, estocarem as peças da melhor maneira e fidelizarem seus clientes. Assim, sua empresa ajuda o varejista a resolver problemas do seu negócio e, ao ver que o seu conteúdo é interessante para ele, esse cliente em potencial pode decidir assinar sua newsletter, baixar um e-book ou, em alguns casos, até mesmo entrar em contato direto com a sua empresa.

Trata-se de entregar o conteúdo certo, no momento certo e no lugar certo, de forma que a sua buyer persona goste daquilo que está recebendo e busque conseguir mais.

Converter visitante em lead

Elabore Calls-to-action (CTAs) chamativos

Seja em sua webpage, em seu blog ou em uma postagem nas redes sociais, o call-to-action (CTA) é um elemento importante na conversão de leads, já que é ele que leva o visitante à Landing Page, a fim de que ele seja convertido.

Trata-se de uma chamada a uma ação que irá acontecer através do preenchimento dos dados no formulário da Landing Page. O CTA pode ser um banner escrito "Baixe agora seu eBook Grátis" para motivar o download de um case, pode ser um link "confira!" ao final de um email que direcione para uma Landing Page ou mesmo um botão dizendo "clique aqui" no seu site.

Existem alguns fatores que podem influenciar a taxa de cliques nos seus CTAs e, consequentemente, sua taxa de conversão — cores, design, posicionamento, conteúdo, etc. —, por isso, teste as opções disponíveis antes de colocá-las definitivamente no ar e faça mudanças sempre que necessário.

Crie Landing Pages eficazes

Obviamente, não adianta criar conteúdo de qualidade se seu website não conta com as landing pages para realizarem a conversão das visitas.

Ao fazer o download de um material rico, baixar o trial de um software ou solicitar um diagnóstico gratuito, o usuário deve ser direcionado a uma página que contenha um formulário solicitando algumas informações de contato — o mais comum é pedir apenas o email na primeira vez. É isso o que garantirá a conversão do visitante, que está apenas passando pelo seu site, em um lead qualificado.

Dica: além do email, solicite também o primeiro nome e sobrenome. Assim, você conseguirá enviar emails personalizados para seus leads.

O ato de fornecer seu email para realizar a ação proposta, em primeiro lugar, já é um indicativo de que o internauta realmente tem interesse pelo que a sua empresa faz. E, em segundo, ao fornecer suas informações de contato, o visitante passa a fazer parte de sua base de contatos, tornando-se, portanto, seu lead!

Você pode utilizar essas 3 ferramentas para criar suas landing pages:

  • Plugin WordPress Gravity Forms: de um modo mais simples, mas tão eficiente quanto as outras opções, você pode criar uma nova página no seu WordPress com a finalidade de ser sua landing page e incluir um formulário criado pelo plugin Gravity Form.
  • Unbounce: com essa ferramenta é possível criar uma página – ou landing page - em questão de poucos minutos e sem precisar ter habilidades em design. O Unbounce oferece modelos prontos que podem ser modificados de acordo com suas necessidades.
  • LeadPages: através da LeadPages uma landing page é criada em menos de cinco minutos. Nela também é possível criar e editar sem alterar o código de programação da página. Também pode-se trabalhar em iPhones, iPads e Androids.

O que não fazer depois que converter visitantes em leads

Visitantes convertidos? Ótimo! Mas o trabalho não acaba aqui! Saiba que alguns detalhes não observados podem fazer com que seu público perca a confiança na sua empresa e, em consequência, deixe de ser um lead, interrompendo o processo de realização de suas vendas e fazendo com que todo o trabalho que você teve anteriormente vá por água abaixo.

Veja o que você NÃO deve fazer:

  • Deixar seu site parado, sem atualizações constantes e interessantes;
  • Utilizar cópias de outros conteúdos e não ser criativo;
  • Deixar suas páginas desorganizadas, com conteúdo sem pertinência, hyperlinks desatualizados e layout desagradável.

Pronto para triplicar sua conversão em leads e potencializar suas vendas? Deixe seu comentário se ainda tiver ficado com alguma dúvida. Conte também o que você tem feito para captar mais clientes em potencial!