O gerenciamento de projetos começa antes da venda

Se você atua realizando vendas, principalmente vendas consultivas, você já deve ter se deparado com o quanto as pessoas que desejam o seu produto ou serviço parecem confusas em relação ao que realmente precisam.

Elas tem dúvida das reais necessidades delas, ou imaginam que o seu produto/serviço funcionam de uma maneira que não é bem como ele foi projetado.

Um ponto obscuro é em relação às datas e prazos(deadlines), por exemplo, que serão decididos sobre a compra e o início do projeto.

O processo da venda deve ser encarado como um projeto que precisa ser gerenciado. Existem etapas que devem ser cumpridas para que você passe para a próxima fase.

Mesmos com os clientes “mágicos” que surgem do nada já querendo “fechar” é preciso ter cautela. É necessário voltar um ou alguns passos atrás no processo comercial e certificar-se que o que você oferece é de fato o que o cliente precisa. Se não fizer isso, depois de fechado o pedido, os problemas podem surgir durante a entrega do serviço ou produto.

No geral, um funil (pipeline) de vendas é o que garantirá que você “gerencie” os projetos dos clientes antes mesmos que eles tenham fechado com você.

Espera-se que a eficiência no “gerenciamento do projeto (venda)” também seja notada com bons olhos pelo (futuro) cliente. Mas, mesmo que ele não tenha essa percepção, não se preocupe, isso lhe trará bons frutos.

Os resultados em acompanhar de perto cada um dos seus projetos (negócios/oportunidades) no seu funil de vendas é o que garantirá o seu sucesso e atingimento de metas.

Ou seja, encarar as vendas consultivas como projetos que precisam ser gerenciados, podem contribuir para melhores taxas de fechamento, um melhor controle sobre as vendas, obtendo uma previsibilidade mais assertiva sobre as datas de fechamento.

Boas vendas!

Angelo PúblioVendas